quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Meu Insano Amor



Sinto a musica entrar pelos meus poros
Consumir meu sangue
Pulsar nas minhas veias
E te tenho mais perto de mim
Sinto seu toque, seu cheiro e seu gosto
E posso até te ouvir sussurrar em meu ouvido
Palavras doces, obscenas
Deliro, fantasio
E tenho uma vez mais em meu corpo
Tão real
Não, não vou te esquecer
Não posso esquecer quem consome meus sonhos
Entra em minhas veias
E pulsa no bater do meu louco coração
Tão insano e tão real
Te amei desde o primeiro olhar
Não,
Te amei antes
Bem antes
E jamais pude te esquecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário