quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Mistério



Quem é você em meio as dunas?
Quem é você que me trouxe calor?
Quem é você que acordou minha alma?
Me fez lembrar
Que sou loba do deserto
Me fez lembrar
Que sou Exu de fogo
Que poderes em mim despertas?
Que calor é esse
Que este inverno não espanta?
Ha, ha, ha
Eu sei quem é você
Que me visita na noite fria
Que ficou gravada na minha alma
Tudo que te prometi
Eu fiz
E continuarei fazendo
Um dia fizemos parte da mesma essência
Eu sei disso
Sei que vou demorar a ver-te novamente
Mas sinto sua energia bem próxima
Ao meu lado
Ou seria dentro de mim?
Toda minha reverência e gratidão
A você...
 (escrito em 28-04-2005)


quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Meu Símbolo


Em meu símbolo sou a lua e tu és a estrela
Em seu símbolo sou os olhos e tu és as asas
Um não vive sem o outro
Podem até não se encontrar
Mas pra sempre estão unidos
Pois são partes da mesma coisa
São coisas de um absoluto
Que por missão
Tem se conhecer
E infinitamente amar o absoluto
Como todo e como parte
Sou lua crescente,
Pois muito tenho a aprender
Sou os olhos,
Pois talvez veja o que ninguém vê
És a estrela
Pois estais ao meu lado sempre a brilhar
És as asas
Pois ela conduz a voos deslumbrantes
Juntos somos o absoluto
Juntos somos a fênix que o mundo deslumbra
Em suas lendas tão reais
Em seus voos que vislumbram a beleza do absoluto
Juntos formamos o universo
E somos formados por ele
Pois somos parte do absoluto
E estamos aqui para nos auto conhecer
E retornar ao absoluto
Consciente de que um dia fomos lua e estrela
Olhos e asas
Fênix e universo.

#escrita em 10-01-2002