terça-feira, 23 de agosto de 2011

Nostalgia


Do que fiz não me arrependo
Loucuras sei que cometi
Mas não me arrependo
Saudades eu sinto
Saudades dos momentos felizes
Meu corpo não te esqueceu
Sinto seu toque
Sinto se cheiro
Me lembro de nós dois
E fico assim
Querendo mais
Dos seus beijos
Dos seus abraços

#escrito em 17-08-2000#

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

A Vida como Ela É!


Desistir sem nem tentar
Soa estranho
Mas as pessoas fazer isso todos os dias
Fingem sorriso
E adiam ao máximo
Dizem que passou
O que sequer superaram
Procuram longe o que está ao lado
Tentam esquecer o ruim
Em vez de lembrar o bom
Se conformam com a vida sofrida
Em vez de tentar ser melhor
Nada é perfeito
Porém as pessoas insistem
Em ver somente
O pior lado das coisas
Pensam no futuro
Choram o passado
E se esquecem do presente
Não lutam pela felicidade
Apenas lamentam as perdas
E não glorificam as vitórias
A vida nos torna duros e amargos
É o que pensamos
Não o que ocorre
Nós nos tornamos amargos e despresiveis
Eu me tornei assim
mas não por causa da vida
E sim por causa de humanos
Somos o que queremos ser
Por isso
Luto e faço a minha vida.

#Escrito em 20-07-2001#