quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Meu Homem


Um dia me falaram que eu tinha que te conhecer
Relutei
Talvez prevendo que com você seria pra valer
Em uma terra distante fui me aventurar
Mas quando está escrito
Não se pode evitar
E no nono dia do ano
Nossos caminhos enfim se cruzaram
O que vi em você?
Reitero:
O conjunto da ópera!
Vi um homem
Meu homem
Que luta com garra pelo que acredita
Que é capaz dos mais delicados gestos de carinho
Que tem um dos maiores corações que já vi
Que tem o abraço mais acolhedor que eu podia querer
Que tem seus defeitos, como qualquer um
Que me faz sentir orgulho em ser sua mulher
E me deu o presente mais valioso que existe no mundo
Você mudou o meu mundo
E por tudo isso
Hoje posso dizer sem medo
Eu amo você!

24-03-08
(feito pra algem que jamais existiu. Ilusão, doença, qualquer coisa diferente de AMOR)

Nenhum comentário:

Postar um comentário